sexta-feira, 27 de janeiro de 2017

Tendências gastronômicas para 2017

Como já virou tradição, não poderíamos deixar janeiro passar sem publicarmos o post com as tendências gastronômicas para o ano! Reunimos aqui um apanhado com o estará em alta no mundo gastronômico, em 2017. Confira a lista seguir, e comece o Ano-Novo inovando em seu cardápio:

Imagem: Wikipedia

1. Os vegetais serão os protagonistas!

A comida vegetariana está assumindo um papel de protagonista, e tudo parece indicar que, em 2017, a preferência dos clientes por esse tipo de produto aumentará. Grão-de-bico, milho, leguminosas, e cogumelos tomarão o posto das carnes. Haverá o crescimento do vegetarianismo e do veganismo, e o aumento de carnívoros que irão buscar alternativas à carne de todo dia. E a jaca será a estrela desta tendência, se destacando como uma grande substituta da carne. A fruta virou a melhor amiga dos vegetarianos e até de quem quer reduzir a quantidade de carne na alimentação. Além de ser rica em vitaminas, seu sucesso deve-se ao fato de sua textura lembrar frango ou carne desfiada, e pelo sabor neutro e não-adocicado. Será cada vez mais fundamental contar com receitas vegetarianas em sua oferta gastronômica, para atrair clientes inclinados a essa tendência e aumentar os seus lucros.

Imagem: Wikipedia

2. Trashcooking – cozinha sem desperdício: 

Utilizar caules, cascas e tudo o que antes era descartado. Uma das tendências em crescimento é a do trashcooking, que consiste em aproveitar tudo na cozinha para reduzir os desperdícios e contribuir com a saúde do planeta. Esta tendência oferece uma boa oportunidade para os restaurantes, pois permite inclusive que economizem em matéria-prima, aproveitando peças como peles, tendões e entranhas para elaborarem pratos criativos e deliciosos. Uma ação que também pode funcionar para atrair clientes curiosos pela nova cozinha consciente

3. Melhor se for orgânico!

Comer de forma saudável também é um hábito de consumo que aumentará em 2017. A consciência ecológica toma dianteira, os consumidores estão cada vez mais escolhendo comidas feitas com produtos orgânicos, pois percebem os benefícios em termos de saúde e também em relação ao sabor dos alimentos.

4. Sardinhas: 

Por serem ricas em proteínas e ômega-3, e ainda por cima baratas, as sardinhas aparecerão em versões mais modernas nos cardápios, em 2017.

5. Mocktail - bebidas sem álcool:

Trata-se de uma tendência à oferta de bebidas não alcoólicas, preparadas à base de frutas, vegetais, especiarias e ervas, com muita sofisticação e criatividade. Suco de melancia, água de cacto, ou aloe-vera são valorizados não apenas por serem refrescantes, mas também por seus nutrientes. Haverá uma série deles em todos os bares mais antenados!

6. Cabra:

Esta será a carne de 2017. Com menos gordura do que a maioria das outras, inclusive que a do frango, ela é rica em proteínas e super leve. O “boom” começou com o leite de cabra, e agora será a vez da sua carne. Existe um movimento que considera que o caldo de osso de cabra tem propriedades mágicas para as articulações, cérebro e intestino.

7. Cardápio cosmopolita: 

A globalização permite que consigamos ingredientes de qualquer canto do planeta, para incluirmos em nossas receitas. Isso faz com que a gastronomia se torne cada vez mais mista, criando inúmeras fusões deliciosas.

Dados da empresa Mintel confirmam um crescimento de 41% de produtos elaborados com ingredientes de origem africana na Europa, por exemplo. E não só nas cozinhas de restaurantes mais vanguardistas, mas inclusive na oferta de redes de alimentação, onde já é possível desfrutar de produtos com influências desse continente. Também se registra um crescimento de receitas e produtos das cozinhas filipina, malaia e polinésia.

8. Seguindo o seu dosha:

Dosha é a caracterização do perfil biológico do indivíduo, de acordo com o Ayurveda. Existem três doshas: Vata, Pitta e Kapha, sendo que cada um apresenta suas determinadas características. Todas as pessoas possuem os três doshas, mas em proporções variadas. A partir de 2017, as pessoas comerão de acordo com o dosha de cada um.

9. Cerveja ácida:

Tradição na Bélgica, as 'sour beers', ou cervejas ácidas, estão ganhando espaço por aqui e prometem ser a aposta cervejeira para 2017. Aliás, é possível encontrar marcas nacionais que investem no sabor, como cervejarias mineiras e paranaenses. O sabor ácido provém de frutas cítricas, como a de cupuaçu, por exemplo. O resultado é um sabor extremamente ácido, refrescante, com aroma frutado, de coloração dourada e nada de amargor.

Imagem: Morguefile

10. Bowls:

A refeição em bowl vem com tudo, neste ano! A louça é a preferência da geração dos Millennials, pois nela você pode oferecer pratos mais personalizados. Massas, arroz, e saladas que misturam vários ingredientes frescos, e onde você consegue misturar sabores e molhar pães, dando aquele toque informal à refeição. E dentre os pratos oferecidos no bowl, é a salada que ganhará a maior preferência do público. 

Depois das saladas no pote, a tendência da vez para 2017 são as saladas na tigela, ou bowls saudáveis. As saladas são tão completas que trazem em uma refeição, todos os nutrientes necessários para repor as energias. 

Imagem: Free Great Picture

11. Cozinhar a vácuo (sous-vide):

O slow cook fez sucesso no ano que passou. Para nós brasileiros, é o cozimento feito na famosa panela de pressão: devagarinho, sem pressa, garantindo a melhor suculência do alimento. O conceito continua, mas agora a tendência da vez é a famosa técnica sous-vide, que, em francês, quer dizer “sob vácuo”. A técnica refere-se a um método de cozinhar em sacos plásticos selados a vácuo em baixas temperaturas por um tempo maior que o tradicional.
A embalagem a vácuo previne a perda evaporativa de sabores voláteis e umidade durante o cozimento, e inibe sabores estranhos gerados pela oxidação. Porém, é preciso usar o plástico correto e apropriado para alimentos. Além disso, é possível colocar um temperinho junto ao alimento cru para já sair com um sabor especial.

12. Freakshakes: 

Mais que um milk-shake, são a combinação de sorvete, donuts, bolos, xaropes, brownies, creme, coberturas e, cupcakes... tudo junto e misturado! Os "freakshakes" são servidos em jarras que são verdadeiras torres de calorias, e são um produto da tendência foodporn, o que garante muitos compartilhamentos nas redes sociais, com as imagens dos pratos incríveis e apetitosos.

Se você for servir estes freakshakes em seu restaurante, garanta que o wi-fi de seu estabelecimento dê conta de atender a demanda de seus cliente, pois vai bombar de gente querendo postar fotos de seus produtos!

O que achou das tendências gastronômicas? Pretende implementar alguma delas em seu cardápio?

Fontes: O Globo
              Guia da Semana
              The Fork Manager
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Nenhum comentário:

Postar um comentário