quinta-feira, 26 de novembro de 2015

Clássico espaguete com almôndegas vira casquinha em versão criativa

Imagem: YouTube

Em meio às nossas pesquisas na internet, buscando novidades no mundo da alimentação, encontramos esta ideia bastante original do site Dude Foods. O site faz experimentos com diversas receitas inusitadas, mas esta em especial nos pareceu bem criativa. O The spaghetti and meatball cone traz a proposta de comer o espaguete e a almôndega sem a necessidade de utilizar talheres. Para quem não gosta de ficar enrolando a massa no garfo, é uma opção super prática.

Veja o modo de preparo e o resultado no vídeo a seguir:


Por dispensar o uso de talheres e a necessidade de sentar para comer, esta pode ser uma opção rápida, barata e ideal para oferecer aos cliente em seus corridos horários de almoço!

Se você curtiu a ideia de servir o macarrão em cone, provavelmente irá gostar deste outro post também: Espaguete em cone? Restaurante lança esta moda.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

terça-feira, 17 de novembro de 2015

Café diferenciado oferece 120 tipos de cereais em seu cardápio

Hoje em dia vemos por aí muitos estabelecimentos que se especializam em um determinado prato, ou ingrediente, e elaboram todo o cardápio, e até mesmo todo o negócio em torno do tema escolhido.

Na Inglaterra, dois irmãos amantes de cereais seguiram esta onda, e decidiram investir na ideia de construir um café só de cereais! O Cereal Killer foi inaugurado em 2014, pelos gêmeos Gary e Alan Keery, em Brick Lane. O local oferece mais de 120 tipos de cereais diferentes, 30 variedades de leite e 20 tipos de coberturas. Entre os cereais, há os bem populares e conhecidos por todos, e as raridades, feitas em edições limitadas. Nas opções de leites disponíveis, há o de amêndoa e o de soja, ótimos para os clientes intolerantes à lactose.

Imagem: Creative Commons

Outro diferencial do Cereal Killer é que ele não funciona apenas para o café da manhã, ele fica aberto até as oito horas da noite. A hora em que o cliente quiser comer cereais, e só chegar e escolher!

O café tem dois andares e emprega oito funcionários. O interior tem estilo retrô, com tijolos de alvenaria, móveis de fórmica no estilo dos anos 80 e 90, televisões vintage que passam vídeos de desenhos animados antigos, além de música também das décadas de 80 e 90. Entre a decoração, há várias caixas de cereais, e garrafas de leite vintage.

A seguir, um vídeo apresentando o café, seu conceito e os irmãos criadores do negócio:



              Quero Rodar o Mundo
                Wikipedia

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

sexta-feira, 6 de novembro de 2015

"Hambúrguer de caju" é desenvolvido com fibras que antes eram descartadas


Hambúrguer de beterraba, coxinha de jaca e ovos feitos com microalgas são apenas algumas das delícias veganas que já mostramos aqui no EcoD. Mas e que tal um hambúrguer de caju?


As fibras do caju são geralmente descartadas nas fábricas de suco, mas a Embrapa Agroindústria Tropical no Ceará desenvolveu uma maneira de reutilizá-las: criando duas formulações de hambúrguer cujo principal ingrediente é exatamente essas fibras.

Foto: Ana Elisa Sidrin
A primeira receita criada busca a produção industrial, sendo misturada com proteína de soja, além de outros ingredientes, e requer equipamentos industriais.

Já a outra tem como base proteica o feijão-caupi (também conhecido como feijão-de-corda) e foi planejada para a produção doméstica, com o objetivo de oferecer uma alternativa de renda a agricultores familiares.

Mudanças no produto

"Percebemos que existiam alguns problemas, que o pessoal reclamava que era muito fibroso, de difícil digestão e o sabor não era lá muito bom. Resolvemos fazer algumas misturas com outros produtos para aumentar o teor de proteínas e melhorar a questão sensorial", explica Janice Lima, pesquisadora da Embrapa, em entrevista à Tribuna do Ceará.

“Usamos tanto a massa de feijão – semelhante a massa do acarajé -, quanto a proteína isolada de soja. Um pensando em uma produção mais caseira e o outro pensando numa produção mais industrial”, completa.

O hambúrguer de caju tem apenas metade das calorias do seu similar de carne bovina e pode ser uma boa alternativa para compor dietas com restrição ao consumo de proteína animal.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...