terça-feira, 28 de julho de 2015

Senado pode votar projeto que obriga restaurante a ter cardápio em braille

Está pronto para a votação no Plenário do Senado projeto de lei da Câmara que obriga restaurantes, bares e lanchonetes a ter disponíveis cardápios em braille. O sistema, também chamado de anagliptografia, foi inventado pelo francês Louis Braille (1809-1852) e permite aos cegos ler utilizando o tato. Se for aprovado sem mudanças, o texto segue para a sanção.

O projeto (PLC 48/2011) já havia sido aprovado, em decisão terminativa, pela Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH) em 2013, mas um recurso apresentado por vários senadores levou o texto ao exame do Plenário. Depois, um novo requerimento fez com que a proposta fosse analisada pela Comissão de Assuntos Econômicos (CAE), onde foi aprovada em maio de 2015.

Imagem: Marcos Oliveira/ Agência Senado

No recurso para votação em Plenário, os autores argumentaram que o projeto é inexequível, porque "lanchonetes e similares de pequeno e médio porte ficam sujeitas a penalidades desproporcionais aos benefícios" da medida.

Para quem não respeitar a exigência do cardápio em braille, o texto determina a aplicação de multa de R$100,00, reajustada com base no índice de correção dos tributos federais. Além disso, a cada reincidência será cobrado o dobro da multa anterior.

A autora do texto é a deputada Luiza Erundina (PSB-SP). Ela lembrou que a Constituição garante a todos o direito à informação e, para que o acesso universal seja possível, “é necessário legislar sobre questões simples e ao mesmo tempo tão fundamentais para a vida diária das pessoas com deficiência”.

O senador Waldemir Moka (PMDB-MS), que relatou o texto na CAE, concorda com o argumento da autora. Para ele, a questão deve ser colocada em termos mais amplos do que sob a ótica do impacto nos custos dos estabelecimentos. O senador lembrou ainda que existem várias leis de âmbito municipal ou estadual que já preveem a obrigatoriedade de cardápios em braille.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

terça-feira, 21 de julho de 2015

Restaurante usa marketing para divulgação de vaga de trabalho

Hoje em dia, alguns restaurantes não usam a criatividade apenas na hora de divulgar o estabelecimento para os clientes... Já tem gente contratando agência de publicidade para divulgar vagas de emprego em aberto, acredita?

O objetivo do restaurante Binnen, localizado em Breda, na Holanda, era o de preencher uma vaga para lavador de louças. Então, juntamente com a agência Lowedraftfcb, eles lançaram uma campanha bem criativa. Copos de cerveja e taças de vinho foram adesivados com uma marca de batom vermelho, e a mensagem: "O restaurante Binnen está à procura de lavador de louças". Como resposta, o restaurante obteve boas reações da parte dos clientes e de possíveis candidatos para a função. Tanto que, na mesma semana, um novo funcionário foi contratado para a vaga em aberto.

Imagem: Bayardad
Fontes: JobMob
             Bayardad


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

terça-feira, 14 de julho de 2015

Festas juninas aquecem comércio de alimentos no Espírito Santo

As comidas típicas das tradicionais festas juninas não enchem apenas os olhos, mas também os bolsos de empresários do estado


Imagem: Morguefile

Embalados pelas quadrilhas, os meses de junho e julho costumam garantir bons negócios para microempreendedores individuais (MEI) e empresários que atuam na área de alimentos. Nas feirinhas, padarias, lanchonetes e mercados, as comidas e os quitutes típicos das festas de São João trazem perspectiva de melhora nas vendas.

Segundo Luiz Azevedo de Almeida, presidente do Sindipães, as padarias costumam lucrar mais no período. “Quando se faz um trabalho específico, voltado para produtos de festa junina, tem-se de 5% a 10% de aumento ao mês no faturamento”. 

O proprietário da padaria Ledut, Ricardo Augusto Pinto, aproveita o momento para tematizar o ambiente e atrair o consumidor com um mix de produtos diferenciados. “Considero esta a melhor época sazonal do ano, pois as festas abrangem junho e julho, totalizando um período de 60 dias que coincidem com as temperaturas mais baixas. Focamos na venda de caldos, canjicas, pamonhas e outros produtos típicos, alcançando um aumento de cerca de 8% nas vendas”, conta.

Segundo o diretor-técnico do Sebrae no Espírito Santo, Benildo Denadai, é importante que o empreendedor adeque seus produtos e serviços para períodos típicos, de forma geral. “Isso demonstra a capacidade do empreendedor de adequação e inovação, com foco nas expectativas dos clientes. Quem consegue se antecipar aumenta suas chances de melhorar as vendas e a margem de lucro”.

Tradicionalmente, os pratos típicos das festas juninas eram feitos em função das boas colheitas na safra de milho, daí o fato de muitos deles serem à base desse ingrediente. Bolos, pamonhas, bolinhos fritos, curau, pipoca, milho cozido, canjica são alguns dos quitutes elaborados a partir do cereal. O costume de se celebrar o período veio de Portugal, onde as festas, conhecidas pelo nome de Santos Populares, correspondem a feriados municipais. Fontes:www.brasilescola.com; www.cebrac.com.br

Mais informações:
Karla Fonseca
(27) 3041.5613
es@asn.com.br

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

segunda-feira, 13 de julho de 2015

Comissão aprova obrigatoriedade de fornecimento de canudos embalados

Imagem: Morguefile

A Comissão de Seguridade Social e Família da Câmara dos Deputados aprovou, na quarta-feira (1), o Projeto de Lei 673/07, que obriga os bares, restaurantes, lanchonetes, casas de shows e vendedores ambulantes a fornecer canudos hermeticamente embalados.

Conforme o projeto, do deputado Jorge Tadeu Mudalen (DEM-SP), o descumprimento da medida sujeitará a multa de R$ 5 mil, que pode ser dobrada em caso de reincidência. O valor da multa será atualizado pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA).

Relator no colegiado, o deputado Misael Varella (DEM-MG) concordou que a ideia garante condições de higiene aos consumidores.

“Esses materiais, quando guardados e dispensados sem proteção individual, podem ser repositório de bactérias, vírus e fungos patogênicos, com consequências imprevisíveis em casos de epidemias”, argumentou o parlamentar.

Tramitação
O projeto, já aprovado em versão diferente na Comissão de Defesa do Consumidor, ainda será analisado, de forma conclusiva, pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

segunda-feira, 6 de julho de 2015

Rede de fast food cria embalagem especial para ciclistas

Na onda das ciclofaixas e ciclovias, a gigante rede de fast food McDonald´s, sempre atenta as novas tendências, percebeu que o mercado biker pode ser muito lucrativo. E de olho neste filão, está lançando uma nova caixinha para viagem feita especialmente para os ciclistas.

Desenhada pela agência de publicidade Tribal, de Buenos Aires, na Argentina, a novidade traz recipientes inteligentes para as viagens sobre duas rodas, feitos de papelão reciclável. A embalagem deve ser pendurada no guidão, e acomoda a refeição completa: sanduíche, batata frita e refrigerante. Cada um no seu lugar, sem cair ou desmontar. Tudo de forma prática e segura! Nos locais onde essa embalagem está disponível, o ciclista pode passar no drive-thru e pegar a sua comida, como se estivesse em um carro.

Além da capital da Argentina, o McBike também está sendo introduzido em Copenhague, na Dinamarca, e Medellín, na Colômbia. Outras cidades amigas da bicicleta, como Amsterdã e Tóquio, devem ser as próximas a aderirem a novidade. Ainda não há previsão para a chegada ao Brasil.


Fontes: Hypescience
               Bike é legal
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

quarta-feira, 1 de julho de 2015

Mini-chef em 3D prepara pratos na frente dos clientes

Um restaurante na Bélgica utilizou-se da animação em 3D para interagir com os seus clientes de uma maneira inovadora e divertida. A ação que se chama “Le Petit Chef” consiste em uma técnica que mistura animação em 3D e motion Capture, dando vida a um mini-chef, que prepara os pratos dos clientes na frente deles, sobre a mesa do restaurante. 

Através de uma projeção, o minúsculo chefe sai de um bueiro que se abre na mesa, e transforma os pratos dos clientes em  grelhas, e lá ele corta um talo de brócolis, joga batatas e cenouras na grelha, além de enfrentar uma mosca chata, que fica voando em volta, tentando atrapalhá-lo.

Imagem: Youtube

A criação e produção são de Antoon Verbeeck e Filip Sterckx, da Skullmapping.

Confira o projeto, no vídeo a seguir:


Fontes: Update or Die
               PSFK
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...