terça-feira, 31 de maio de 2011

Delivery Quente!

É muito legal ver a criatividade das pessoas. Algumas vezes, com uma ideia tão simples, conseguimos chamar tanto a atenção das pessoas.
No ramo da alimentação, ter essa simples ideia pode fazer muita diferença para poder chamar a atenção dos clientes para o seu estabelecimento, e se destacar no meio da concorrência. Acreditamos que a rede de restaurantes indiana Republic of Chicken, tenha tido uma destas boas ideias para utilizar no seu delivery.

Com o objetivo de informar ao público que os pedidos feitos ao restaurante através de delivery sempre vão chegar quentes, foi desenvolvido um efeito que cria a ilusão de fogo embaixo do baú da moto, que armazena os alimentos com os dizeres "Delivered Hot" (entregue quente).

Com certeza ele desperta a atenção por onde passa, assista ao vídeo:







Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

segunda-feira, 30 de maio de 2011

Restaurantes de luxo em prisões de segurança máxima

Um restaurante de um castelo localizado na região da Toscana, na Itália fará um evento que arrecadará R$ 4,2 mil para a associação beneficente Ágata Esmeralda, entidade que atua com iniciativas de adoção de crianças à distância. Neste evento, 120 pessoas poderão desfrutar de um jantar à luz de velas, composto por um aperitivo, um antipasto, dois primeiros pratos com dois tipos de massas diferentes, um segundo prato e um doce de sobremesa. Tudo relativamente normal se não fosse por um detalhe: este castelo é  conhecido como Fortezza Medicea, uma construção do século XV, que abriga 150 condenados a penas que vão de 20 anos de reclusão à prisão perpétua. Ali, atrás dos muros de 60 metros, acontece, oito vezes por ano, o Jantar dos Condenados.
E tem mais: os pratos sofisticados e requintados, e todo o serviço do restaurante são feitos pelos detentos. Tudo com a supervisão dos policiais penitenciários.

O restaurante do Fortezza Medicea não é o primeiro a se utilizar do trabalho dos presos. Existe na Inglaterra um restaurante também de luxo, o The Clink, que funciona dentro de uma prisão, a Her's Majesty Prision, em Surrey. Lá, o chef e o maître são ex-detentos que cumpriram pena por tráfico de drogas. Eles se profissionalizaram e, atualmente também ensinam aos colegas e ex-colegas de prisão os segredos da alta gastronomia. Só no ano passado, 38 presos receberam treinamento.

O The Clink já está funcionando há dois anos e abre suas portas para o café da manhã e o almoço, e recebe até 85 pessoas em suas instalações. 

Assista ao video para conhecer o The Clink: 


E mais uma curiosidade sobre estes dois restaurantes: por questão de segurança, os pratos elaborados são servidos com talheres de plástico.

Para acessar mais informações sobre estes dois estabelecimentos, recomendamos que leiam as matérias que saíram no Italia Oggi, na Istoé e no blog Luis Nassif Online.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

O grande chef muda de vida




O espanhol Ferrán Adrià já alcançou todos os títulos que um chef poderia sonhar, inclusive as cobiçadas três estrelas do Guia Michelin. Aos 49 anos, decidiu mudar: fechará o premiado restaurante elBulli para transformá-lo em fundação.

Quem se perder pelas estradas sinuosas da Costa Brava espanhola em agosto desde ano, em pleno verão europeu, não terá a sorte de encontrar, espremido entre o mar e montanhas, o melhor restaurante do mundo. O elBulli, exclusivíssimo centro de criação do chef catalão Ferrán Adrià, encerrará suas atividades em 31 de julho, para nunca mais – pelo menos, não nos moldes atuais.

Desde o início de 2010, Adrià ventila a intenção de transformar seu reduto em uma fundação sem fins lucrativos voltada à gastronomia. Nela deverão trabalhar cerca de 25 colaboradores, entre fixos e temporários, com uma única tarefa: criar. “Queremos pessoas criativas e formadas, pois aqui não será nenhum centro de formação”, afirmou o chef em entrevista exclusiva ao site de VEJA. As ideias inovadoras que surgirem dos experimentos serão divulgadas, quase que simultaneamente, na internet. “O objetivo é que as ideias inspirem as pessoas. Mas não vamos divulgar receitas”, acrescentou. A empreitada funcionará no mesmo lugar onde se encontra o restaurante: a praia de Cala Montjoi, na cidade de Roses, a 170 quilômetros de Barcelona.
Adrià garante que a fundação, que levará o mesmo nome do restaurante, continuará recebendo o público. “Ainda estamos desenhando como isso será feito, mas a ideia é receber todos que estiverem interessados em conhecer o projeto”, conta.  Ao dizer ‘todos’, ele exagera. Afinal, ao longo de 20 anos à frente do elBulli, o chef  fez questão de mantê-lo exclusivo. Com apenas 60 lugares, ele fica aberto somente seis meses por ano. “Bem, provavelmente será tão concorrido quanto o restaurante, mas a proposta será outra. Então será um outro público”, diz, sem deixar de ressaltar que ainda há tempo para planejar – a empreitada não ficará pronta antes de 2014.
A ideia de encerrar um projeto de sucesso e iniciar outro completamente incerto, e sem garantia de retorno financeiro, representa uma etapa desafiadora na vida de Adrià. Nascido em uma família de classe média, sem contato com a alta gastronomia, ele lavou pratos, cozinhou em quartéis militares e surpreendeu o mundo ao desconstruir a nouvelle cuisine e transformar a culinária. Muitos o apontam, não apenas como um chef excepcional, mas também como um grande químico – tamanha sua capacidade de transformar os sabores e as texturas dos alimentos em verdadeiras obras de arte. De seu passado humilde, ele parece não guardar recordações ruins.  “Sou uma pessoa de sorte, realizada. Não posso me queixar de nada”.
Para ler a reportagem completa com a entrevista exclusiva do chef Adrià, clique aqui.

Fonte: Ana Clara Costa para VEJA


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

sábado, 28 de maio de 2011

Hambúrguer!

Hoje é o Dia do Hambúrguer!

Não poderíamos deixar de postar uma homenagem a este sanduíche que por um lado é tão popular, acessível e "fast-food", mas por outro evoluiu para a alta gastronomia, sendo repaginado, ganhando ingredientes caros e passando para a categoria gourmet.



E haja criatividade na categoria gourmet! Temos exemplos como o  do DB Bistro Moderne, em Nova York, que serve um hambúrguer recheado com foie gras (fígado de ganso típica da França), juntamente com dantruffle costelas grelhadas (um tipo de fungo).
O Wall Street Burger Shoppe, também em Nova York serve um hambúrguer feito de carne bovina Kobe, untada com foie gras e folha de ouro truffledan! E o molho de maionese também é feito com trufas adicionais e folha de ouro!
Já no McGuire em Pensacola, na Flórida, o hambúrguer é feito a partir de filé mignon de carne in natura,  com alface, tomate, cebola e... Caviar! Coloca hambúrguer gourmet nisso!

Para conhecer mais hambúrgueres da alta gastronomia, clique aqui, e veja a matéria completa (em inglês) sobre os hambúrgueres mais caros do mundo que saiu no blog Champagne Blogs.

E para completar a celebração desta data, indicamos uma matéria que saiu no R7, que explica um pouco da história deste lanche tão saboroso e ainda dá quatro receitas apetitosas do apreciado lanche.

Bom Apetite!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

sexta-feira, 27 de maio de 2011

At.mosphere, o restaurante mais alto do mundo

No início deste ano foi inaugurado o At.Mosphere, o restaurante mais alto do mundo. Ele se localiza em Dubai, nos Emirados Árabes, no 122º andar do Burj Khalifa (também o mais alto prédio do mundo) a 442 metros de altura.

O restaurante recebe até 210 clientes em seu luxuoso salão com paredes e tetos de mogno, e tapete feito a mão. Todos os detalhes foram cuidadosamente pensados, resultando em um ambiente elegante, agradável e requintado. Concebido para proporcionar aos seus clientes uma experiência inesquecível, ele oferece alta gastronomia internacional, além de pratos orgânicos, através de dois conceitos sofisticados: o lounge e o grill.

Para completar o charme do local, o seu maior diferencial: A vista deslumbrante, que permite a contemplação de toda a Dubai.







Para chegar até o At.Mosphere, os clientes utilizam o elevador expresso do Burj Khalifa, que se locomove a uma velocidade de 10 metros por segundo, demorando menos de um minuto para alcançar o 122º do prédio.


A seguir um vídeo do restaurante de Dubai, que é um luxo só:



Fontes: Época
             Viajandaunblog
             Caderno Gourmet
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Lições do Fasano


Visitando ao site Mundo do Marketing encontramos um especial sobre a Conferência Internacional da Gestão do Luxo - Brasil 2011. Lá tem uma matéria especial que interessa aos leitores do blog Tudo Para o Restaurante e acrescenta mais lições na nossa seção "Dicas que saíram do forno": O segredo do sucesso do Fasano. 

O Restaurante Fasano é uma casa tradicional paulistana de cozinha italiana. Referência da alta gastronomia e sinônimo de luxo, é um dos restaurantes mais premiados de São Paulo. O Fasano é gerido pelo Grupo Fasano que além de atuar no segmento da gastronomia, também possui hotéis.

A leitura da matéria é recomendada, pois encontramos boas dicas praticadas por uma marca respeitada e reconhecida. A maneira como lidar com sua equipe, o atendimento e a preocupação com os detalhes são lições abordadas na matéria, e que podemos seguir e implantar no dia a dia de nosso estabelecimento.

Para acessar a matéria clique: O segredo do sucesso do Fasano

E boa leitura!



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

quinta-feira, 26 de maio de 2011

Restaurante itinerante

Que tal apreciar as mais belas paisagens da Europa, vistas sob um ângulo totalmente diferente e ainda por cima sentado em uma mesa de um restaurante de luxo?!
O The Cube é um restaurante do pavilhão móvel que irá viajar para vários locais.
Esta é a proposta do Restaurante The Cube, que foi criado pela empresa de arquitetura Park Associati por iniciativa da Electrolux. O projeto lembra um estande daqueles utilizados em feiras comerciais, totalmente transparente feito de vidro e rodeado por uma camada branca de alumínio recortado a laser. No chão tudo é branco e a estrutura é completamente desmontável. Com 140 metros quadrados de espaço interno e mais 50 de terraço, o restaurante recebe até 18 clientes. Além de tudo ele é inteligente, pois permite a entrada de luz natural, o que mantém o clima agradável e reduz o consumo de energia.
Sua localização? Depende de quando você for visitá-lo, você poderá apreciar um jantar em paisagens como o topo de uma montanha, o telhado de um grande museu ou mesmo o centro de um lago. Isto porque este restaurante de luxo é uma atração itinerante. Hoje ele está em Bruxelas, mais precisamente no Arco do Triunfo do Parc du Cinquantenaire.
Olha que incrível no vídeo:
Segundo o site do The Cube, ele permanecerá em Bruxelas até 3 de julho, depois suas próximas paradas serão em Estocolmo e Moscou.
Vale lembrar que a cozinha é sempre comandada por chefs internacionais estrelados que se revezam para oferecer alta gastronomia de sabor excepcional.
Para acessar site do The Cube clique aqui.
Saiu no blog da 3M.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Mudança no sistema de atendimento de caixa no McDonald's

Procurando na net sobre inovações praticadas por estabelecimentos de alimentação fora do lar, descobrimos essa novidade que foi postada no Tecnoblog na semana passada. A notícia se refere a rede McDonald's da Europa e ao seu novo projeto de atendimento aos clientes.
Na verdade se trata de uma espécie de autoatendimento que ainda não foi bem detalhado pela direção da empresa na Europa. O que se sabe é que a rede pretende substituir os atendentes que trabalham nos caixas de suas 7 mil lojas européias por terminais de autoatendimento touchscreen. Através do uso desta tecnologia, os clientes poderão escolher a sua refeição a partir do menu touch. 
E na hora de pagar, máquinas de cartão de crédito e débito serão usadas para que o cliente passe o seu cartão e autorize o pagamento.
Além da substituição dos caixas pela nova tecnologia, o McDonald's pretende implantar novos menus na Europa e estender o horário em que as lojas ficam abertas.
O responsável pelas atividades do McDonald's na Europa alega que a nova tecnologia permitirá à empresa reunir mais informações sobre os hábitos e encomendas dos clientes. 



Fontes da matéria: Tecnoblog
                             Económico (Portugal)
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

quarta-feira, 25 de maio de 2011

Restaurantes em protesto deixam de cobrar impostos


A manifestação acontece em quinze cidades brasileiras e reclama dos altos tributos cobrados nas refeições.

Os impostos podem ultrapassar 30% do preço de uma refeição

A Confederação Nacional dos Jovens Empresários (Conaje) promove hoje (25) manifestações em todas as regiões do Brasil para marcar o Dia Nacional do Respeito ao Contribuinte e da Liberdade de Impostos. Em 15 capitais, restaurantes que participam da manifestação organizam cardápios e refeições sem a cobrança de impostos. No país, segundo a Conaje, a carga tributária média sobre uma refeição de R$ 50 corresponde a 31,21% de impostos.
O objetivo da manifestação é mostrar ao consumidor o peso dos impostos no preço final dos produtos, principalmente daqueles que compõem a cesta básica. Serão organizados ainda abaixo-assinados em defesa de menos impostos e mais eficiência dos governos na aplicação dos recursos arrecadados.Para o presidente da Conaje, Marduk Duarte, num país com tantas desigualdades socioeconômicas, é fundamental repensar o peso dos impostos sobre o custo dos alimentos. “É nosso dever cobrar dos governantes a correta aplicação deste enorme montante, que só faz crescer com o passar dos anos”, disse Marduk defendendo que os empresários também têm a obrigação de esclarecer a população sobre a realidade tributária brasileira.

Das capitais que aderiram às manifestações, a que apresentou a cesta básica mais cara, segundo pesquisa do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), é São Paulo: R$ 268,52. Para comprá-la, os paulistanos precisam trabalhar mais de 108 horas. A mais acessível foi encontrada em Aracaju (R$ 185,58), onde são necessárias 75 horas de trabalho para comprar a cesta básica.
De acordo com o Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário (IBPT), os brasileiros pagaram R$ 500 bilhões em tributos somente até o dia 4 de maio de 2011. A média é de R$ 2,5 mil por habitante. Até o final do ano, a cifra média por habitante poderá atingir a marca de R$ 7,5 mil.
Este ano, as capitais que aderiram ao movimento foram Aracaju (SE), Belém (PA), Brasília (DF), Campo Grande (MS), Curitiba (PR), Florianópolis (SC), Goiânia (GO), Manaus (AM), Natal (RN), Palmas (TO), Rio de Janeiro (RJ), Salvador (BA), São Luis (MA), São Paulo (SP), e Vitória (ES).
Fonte: Agência Brasil para Exame  - 25/05/2011 13:19 -



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Lições do Subway

A seção Dicas que saíram do forno abre espaço agora para apresentar as lições da maior rede de fast-food do mundo, o Subway. Com 34 mil restaurantes espalhados pelo mundo, a rede de fast food focada em alimentação mais saudável é fonte inspiradora de muitos empreendedores na forma de gerir negócios de uma maneira  mais flexível e engajada.

Buscar locações criativas, estar ligado nas tendências e ter uma boa história para contar são algumas das lições que podemos aprender com o caso de sucesso do Subway.

A seguir, o link da matéria completa que saiu no Jornal do Empreendedor (clique aqui para ler).
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

terça-feira, 24 de maio de 2011

Lições do McDonald's

Olá!
Estamos estreando hoje uma nova seção em nosso blog: Dicas que saíram do forno!

Aqui vamos postar dicas, histórias, lições de pessoas e empresas que empreenderam no ramo da alimentação e hoje são exemplos, pois acreditaram em suas ideias, persistiram e construíram um negócio de sucesso.

Para inaugurar, trazemos uma matéria muito interessante, que saiu no blog Dijan de Barros | Mundo Corporativo. Ele fala sobre o caso de sucesso do McDonald's e Ray Kroc, que em 1954 percebeu a oportunidade de desenvolver um grande negócio, que revolucionaria o modo de servir hamburgueres e que ganharia o mundo.

A matéria apresenta 10 lições que marcaram a trajetória de sucesso da rede norte-americana, e que são importantes para serem implantadas no dia-a-dia de nossos estabelecimentos. Questões como criatividade, estar atento às oportunidades e ter bom humor são abordadas, entre outros exemplos que podemos extrair das lições de um negócio de sucesso, que hoje em dia dispensa apresentações.

Para ler a excelente matéria, clique aqui.





Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

segunda-feira, 23 de maio de 2011

Novos hábitos movimentam mercado da alimentação fora do lar

Com o aumento do poder de compra dos brasileiros, novos hábitos estão se tornando mais freqüentes na rotina das famílias. Comer fora de casa era para ocasiões especiais ou em quantidades limitadas. Hoje em dia muitas famílias brasileiras se dão ao luxo de não cozinhar ou lavar louças, até por que o número cada vez maior de mulheres no mercado de trabalho também contribui com esse novo cenário.
Essa mudança de hábito do brasileiro fez com que o mercado de Food Service quase dobrasse nos últimos seis anos.

Free Stock Photo of Red Wine


Com este cenário promissor, se engana quem pensa que para os restaurantes basta ficar esperando os clientes chegarem para servi-los. Os estabelecimentos que atuam no ramo de alimentação fora do lar devem se utilizar de estratégias para atrair o seu cliente, visto que ele tem tantas opções disponíveis atualmente. Além de atraí-lo, o restaurante deve conquistá-lo e torná-lo um cliente freqüente. Para isso o restaurante deve conhecer profundamente o seu consumidor, entender seu perfil, suas necessidades e expectativas.
No site Propagandams saiu uma matéria que recomendamos sobre o assunto. Clique aqui para ler na íntegra.

Conhecer os clientes é fundamental para o sucesso do seu negócio! Devemos estar atentos para todos os sinais que eles possam nos dar, e em constante busca de superação de suas expectativas, proporcionando uma experiência prazerosa e agradável em todos os sentidos.



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

sexta-feira, 20 de maio de 2011

Cardápios Eletrônicos

Os cardápios em iPad já são realidade em alguns estabelecimentos no Brasil. Garantindo mais conforto, rapidez e segurança, este menu eletrônico agiliza o atendimento e atrai clientes. É o que diz a reportagem do programa Pequenas Empresas Grandes Negócios, transmitido pela rede Globo.




Além de autoexplicativo e de fácil manuseio, o cardápio em iPad traz um grande apelo visual, que é fundamental no setor de alimentação, como mostra a matéria do Paranashop (clique aqui para ler na íntegra).
Através do cardápio virtual, o próprio cliente clica nas fotos dos pratos e das bebidas desejadas, e os pedidos chegam diretamente à cozinha. No momento em que ele quiser, ele “pede” a conta também com apenas um toque na tela. Outra vantagem deste cardápio é que o cliente tem privacidade, mais autonomia e pode gerenciar os seus gastos.



Um outro exemplo da utilização do iPad para atender os clientes é o do Casa Grande Hotel Spa & Resort, no Guarujá (SP). Neste caso o iPad substituiu a carta de vinhos, com a vantagem de oferecer maior interatividade e acesso a muito mais informações do que a carta feita em papel. Permite que o cliente pesquise a divisão completa dos tipos de vinhos, a uva utilizada na fabricação, dados geográficos do lugar onde foi produzido. Além disso, o aplicativo conta com uma exibição em alta resolução da garrafa onde é possível ver todos os detalhes do rótulo da bebida. Para ver a matéria completa que saiu no AdNews, clique aqui.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Câmara aprova obrigatoriedade de cardápio em braile nos restaurantes

Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania aprovou nesta quinta-feira (19) o Projeto de Lei 1694/99, da deputada Luiza Erundina (PSB-SP), que obriga restaurantes, bares e lanchonetes a oferecer cardápio em braile aos clientes. O projeto foi aprovado em caráter conclusivo e seguirá para o Senado, a menos que haja recurso para que seja votado pelo Plenário da Câmara.
A relatora, deputada Sandra Rosado (PSB-RN), votou pela constitucionalidade e juridicidade da proposta, com emenda. Segundo ela, a proposta inicial merece aperfeiçoamento de redação para corrigir a previsão de multa de 100 Ufir para as empresas que não cumprirem a determinação.
“Uma vez que a unidade de referência para a multa, a Ufir, foi extinta, alteramos a proposta para que a multa passe a ser de R$ 100, reajustada com base nos índices de correção dos tributos federais”, afirmou. Esse valor será duplicado em caso de reincidência.
Segundo a relatora, o projeto ajuda a superar as barreiras que impedem a integração das pessoas com deficiência. “O acesso ao conhecimento e à informação, além do estímulo à convivência, podem promover a inclusão das pessoas com deficiência em nossa sociedade.”

Íntegra da proposta:
Reportagem – Murilo Souza 
Edição – Pierre Triboli
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

quinta-feira, 19 de maio de 2011

Restaurantes Móveis - Parte II

Há alguns dias, nós fizemos um post que foi sucesso de acessos, e como sempre queremos trazer notícias que interessam aos nossos leitores, pesquisamos mais a fundo sobre Restaurantes Móveis. Encontramos dois vídeos bem interessantes. 

O primeiro é uma reportagem da Globo News, do programa Mundo S/A. O vídeo mostra estes quiosques móveis que são um sucesso em Nova York, e que se utilizam das redes sociais para informar o endereço onde vão estar.



Este outro vídeo também trata de um restaurante que se desloca, mas a proposta nesse caso é um pouco diferente. O restaurante se encontra dentro de um container com estrutura completa para o seu funcionamento. Se assim quiser, o proprietário do negócio pode desmontá-lo, deslocá-lo e no momento em que resolver, montá-lo novamente em apenas um minuto. Além de tudo, ele é ecologicamente correto, construído a partir de produtos reciclados. A ideia curiosa vem do Canadá. Assista o vídeo: 


Os dois conceitos são interessantes e criativos.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Cheiros em bares e restaurantes podem fazer cliente gastar mais

O olfato, assim como o paladar e a visão, é um dos sentidos importantes para criar e reforçar a imagem de uma marca de um estabelecimento do ramo de alimentação. A visão que consiste no que o cliente observa quando entra no estabelecimento é o ambiente, a decoração e a iluminação. O paladar se refere ao que o cliente degusta, ou seja, os pratos e bebidas servidos no local. Esses dois itens geralmente são o foco de atenção e preocupação dos donos destes estabelecimentos. Em muitos locais temos a preocupação com a audição, relacionado as músicas ambiente ou tocadas no lugar.
Agora quanto ao olfato, muitos estabelecimentos não se lembram. No entanto este é um sentido que se devidamente valorizado pode ser bastante atrativo para os clientes. 
Leia abaixo a reportagem que saiu no R7, sobre o assunto:
"Um estudo feito na Holanda descobriu que bares, restaurantes e, principalmente, casas noturnas cheirosas dão mais prazer aos seus clientes. O resultado disso é que os clientes acabam gastando mais e voltam mais vezes ao local. Para os pesquisadores, máquinas que liberam cheiros agradáveis podem sem uma boa alternativa para esses estabelecimentos.
Para realizar o estudo, os cientistas, da Universidade Delft de Tecnologia, na Holanda, liberaram três tipos de fragrâncias em três casas noturnas. Eles então fizeram um questionário com 849 jovens, de pouco mais de 20 anos.
Os resultados mostraram melhoras significativas nos níveis de dança, prazer, música e humor dos voluntários.
- Se os visitantes sentiram mais prazer na casa noturna, e dançaram mais, estimulados pelos aromas, então será maior também o número de pessoas que irão voltar a esse lugar ou indicá-lo para outras pessoas.
Segundo o pesquisador Hendrik Schifferstein, os bons odores podem fazer as pessoas dançar mais, além de melhorar o humor e o prazer de curtir a noite.
Para alcançar esse objetivo, os cientistas sugerem a instalação de máquinas de cheiros agradáveis que poderiam minimizar os odores ruins.
O objetivo é se preocupar com os cheiros da mesma forma que se faz com as luzes e os sons, diz Schifferstein.
- Assim como a luzes e sons criam a atmosfera perfeita, a combinação com os aromas pode enriquecer a experiência multissensorial." (Fonte R7)
A reportagem foca em bares, mas temos exemplos de redes famosas que se utilizam desta estratégia, investem em uma fragrância própria para fortalecer a marca e serem reconhecidas à distância pelo seu cheirinho inconfundível. Este é o caso do Mc Donald's, do Hard Rock Café, do Hotel Hilton, e dos parques da Disney.

Free Stock Photo of Touche

Algumas curiosidades sobre os aromas (fonte Greenleaf Brasil):
  • No caso dos parques da Disney, eles se utilizam do aroma de pipoca para ativar o apetite das pessoas.
  • O aroma de baunilha é ideal para bares, restaurantes e cafeterias, pois a sua fragrância adocicada é confortante e uma espécie de ativador de apetite.
  • Em Buffets, fragrâncias de frutas, especialmente de uva, deixam o local mais receptível.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

quarta-feira, 18 de maio de 2011

Papel de fundo de bandeja

Hoje em dia o papel utilizado como fundo de bandeja pelos restaurantes e lanchonetes, se tornou mais um canal de comunicação da empresa com o cliente. Jogos, desenhos para colorir, passatempo, curiosidades, tudo vale para atrair e cativar a atenção dos clientes. Alguns gostam tanto das ideias oferecidas nestes materiais que acabam colecionando-os.
A rede McDonald's sabe bem como explorar este veículo de comunicação. Para mostrar que a salada do McDonald's é feita na hora, os restaurantes da rede em Israel usaram este papel (foto abaixo) para as bandejas numa versão que lembra uma tábua de cozinha. As marcas de faca na tábua dão a entender que alguém acabou de cortar os vegetais. Para arrematar, o texto – "Cortados aqui, apenas depois do pedido". Criação da agência Yehoshua\TBWA, saiu no I Believe in Advertising.


Esse papel de bandeja do McDonald's imita uma tábua de cozinha, veja a ideia


Fonte: Blue Bus
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

terça-feira, 17 de maio de 2011

Lanchonetes americanas apostam em lanches inusitados

Que as pessoas gostam de uma novidade é fato e todo mundo sabe. No universo dos restaurantes esta teoria também se aplica, e é um fator relevante para o estabelecimento permanecer em alta. Especialmente com relação aos pratos que são servidos, as novidades sempre chamam a atenção. Os clientes gostam de provar sabores e combinações diferentes, mas como mostra a reportagem do site americano Woman's Day, algumas combinações são tão inusitadas que chegam a ser duvidosas, como por exemplo o sanduíche de yakissoba, ou ainda o lanche de batata-frita com molho. Algumas outras, como o próprio site diz, se você tiver a oportunidade, vale a pena provar.

De qualquer maneira, o que essas lanchonetes estão oferecendo aos seus clientes são produtos diferentes, que serão exclusivamente encontrados (ao menos no início) em seus estabelecimentos.

Free Stock Photo of Burger

O site é em inglês, para ler a matéria com as fotos dos inusitados sanduíches na versão original (inglês), clique aqui.
Se você não entende inglês, use o tradutor do Google, porque vale a pena ler! 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

O mapa da cozinha

O jornal Folha de São Paulo publicou em seu site o mapa de uma cozinha de um restaurante.
A ideia é bem legal, pois a planta mostra a organização e a praticidade de uma cozinha profissional dividida em praças, o que facilita a produção e agiliza o serviço.
Para visualizar o mapa, é só clicar aqui.
E a cozinha do seu restaurante, também está organizada para otimizar o trabalho dos seus cozinheiros?
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Restaurantes com número no nome

Sabe qual é a nova tendência na hora de dar nomes para bares e restaurantes em São Paulo?

Hoje saiu no Estadão uma reportagem sobre essa nova moda, que é colocar o número, ou mesmo o endereço completo do bar ou do restaurante na fachada do estabelecimento. Na reportagem que você pode ler na íntegra clicando aqui, mostra que a adesão a essa moda tem suas vantagens. A principal é que fica fácil do estabelecimento ser encontrado, as coordenadas de sua localização já vem junto com o nome, facilitando inclusive na hora de utilizar o GPS.  Outra vantagem citada é que a singularidade do nome torna quase impossível que haja outro local com o mesmo nome.
Em Londres e Nova York essa tendência também é comum, vários bares e restaurantes se inspiram em seus endereços na hora de receber o seu nome, como é o caso do Catch 22 (NY) e do 140 Park Lane (Londres).

Em Belo Horizonte tem um caso diferente e criativo, segundo a mesma reportagem do Estadão. O Restaurante 2011 troca de nome a cada reveillon, isso acontece desde 2008 (quando se chamava Restaurante 2008). A cada virada de ano são trocados os letreiros, cardápios e site.

Gostaram das ideias? Fica a dica!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

segunda-feira, 16 de maio de 2011

Sushi se populariza em capitais brasileiras

Ao que parece a cozinha japonesa conquistou um lugar especial e cobiçado no coração (ou melhor dizendo, no estômago) dos brasileiros de todo o país.


Tomemos o exemplo de São Paulo, a quantidade de restaurantes especializados na comida japonesa é bastante farta, facilmente você encontra um estabelecimento do gênero perto de sua casa ou trabalho.
Mas o que mais impressiona é que segundo informações encontradas na matéria do site Gastronomia & Negócios (clique aqui para ler a notícia completa), o número de restaurantes japoneses superou a quantidade de churrascarias na cidade. E isso não é pouca coisa, na verdade é um feito e tanto já que as churrascarias são uma paixão nacional, pois servem o churrasco, prato mais popular e representativo da culinária brasileira.

Pegando o caso de Recife, também é percebido um crescimento de restaurantes nipônicos, como mostra a reportagem do Jornal do Comércio (clique aqui para ler a notícia). Antes restritos aos bairros mais nobres, cada vez mais caem no gosto (e no bolso) dos recifenses e se popularizam na capital pernambucana.

Para completar, esse mês o Guidu (guia de bares e restaurantes) lançou no Facebook uma pergunta indagando as pessoas qual o tipo de restaurante preferido.O Guidu quer saber: qual o seu tipo de restaurante favorito?
 Advinhem qual está sendo o tipo de cozinha mais votada? Acertou quem pensou na cozinha japonesa.

Alguém tem mais informações sobre a invasão da culinária japonesa em outras regiões do Brasil?
さらに

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Restaurante embaixo d'água

 Ithaa - um restaurante no fundo do mar

Que tal um jantar em um restaurante que fica debaixo d'água?
Esta é a proposta do Ithaa (Pérola no dialeto local), um restaurante localizado nas Ilhas Maldivas, um lugar paradisíaco do Oceano Índico. Ele lembra muito um aquário e é pequeno, comportando somente 14 pessoas, mas é deslumbrante!
O cliente além de saborear uma refeição sofisticada, poderá se maravilhar com a vista de uma paisagem linda e exótica da lagoa que o circunda e do recife de coral, onde peixes multicoloridos de várias espécies, raias e até tubarões nadam sobre a sua cabeça.
A seguir, um vídeo que em seu início mostra a construção do empreendimento da Rede Hilton, e em seguida apresenta o restaurante já pronto e funcionando:




Por ser uma experiência única, a procura é grande: por essa razão a gerência recomenda que se faça reserva.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...